Notícias

Tecnologia

Plataforma Não Me Perturbe tem aumento de 8,8% na base de usuários em 2023

Recurso bloqueia números de telefone celular e fixo contra chamadas de telemarketing e crédito consignado. No ano passado, mais de 12 milhões de números foram cadastrados. Serviço Não Me Perturbe
Divulgação
A plataforma Não Me Perturbe registrou aumento de 8,8% em sua base de usuários em 2023, fechando o ano com mais de 12 milhões de números de telefone cadastrados para não receber chamadas de telemarketing e crédito consignado, informou a Conexis Brasil nesta quarta-feira (10).
No ano passado, foram adicionados 974,9 mil números à base de telefones cadastrados. Em média, foram 81,2 mil por dia, segundo a Conexis.
O Distrito Federal tem a maior proporção de números cadastrados para bloquear chamadas dentre a base de telefones existentes. De todos os números do DF, 8,2% estão cadastrados na plataforma.
Já em número absolutos, São Paulo é o estado com a maior base de usuários. São 5,52 milhões de telefones cadastrados, ou 6,5% do total de números ativos no estado.
Criada em julho de 2019, a ferramenta tem como objetivo impedir o assédio comercial de bancos e empresas de telecomunicações. A plataforma não bloqueia ligações de planos de saúde ou redes varejistas, por exemplo.
“A Não Me Perturbe foi uma das medidas adotadas pelas operadoras para reduzir a prática de telemarketing abusivo, que em 2023 avançou com o lançamento do aplicativo, tornando ainda mais simples o cadastro de números na plataforma”, afirmou o presidente-executivo da Conexis, Marcos Ferrari.
Para realizar o bloqueio dos números, é preciso fazer o cadastro pelo site https://www.naomeperturbe.com.br/, pelo aplicativo da Não Me Perturbe ou por meio dos Procons.
O bloqueio é feito em até 30 dias após o cadastro.

​ 

botão de play

No Ar

NIGHT SONGS
Produção Eduardo Dj