Notícias

Pop & Arte

Rod Stewart vende catálogo musical por cerca de US$ 100 milhões, diz jornal

Informação foi publicada pelo ‘The Wall Street Journal’, na quinta-feira (15). Catálogos de música atraem investidores por serem considerados ativos com valor a longo prazo. Rod Stewart durante show no Brasil em 2023
Rogener Pavinski/g1
O cantor e compositor britânico Rod Stewart, famoso por sucessos como “Maggie May”, é o membro mais recente do clube de artistas que venderam os direitos de suas músicas, informou nesta quinta-feira (15) o “The Wall Street Journal”.
O jornal publicou que o Iconic Artist Group de Irving Azoff adquiriu os direitos de Stewart sobre seu catálogo musical, gravações e imagem por uma quantia próxima a US$ 100 milhões (R$ 497 milhões).
A notícia vem menos de uma semana depois de a Sony fechar um acordo no qual adquiriu metade do catálogo musical e das gravações de Michael Jackson.
Poucos detalhes são conhecidos sobre a transação do catálogo do Rei do Pop, mas segundo a Billboard e o The New York Times, trata-se da maior valoração de ativos para um único músico.
O Times, citando fontes a par do acordo, disse que os ativos de Jackson estariam avaliados em US$ 1,2 bilhão (R$ 5,96 bilhões). Com isso, a Billboard calcula que a Sony tenha pago pelo menos US$ 600 milhões (R$ 2,98 bilhões).
Nos últimos anos, os direitos sobre as músicas têm se tornado um mercado atraente após uma série de artistas terem se beneficiado com a venda de seus catálogos, como Bob Dylan, Bruce Springsteen, Stevie Nicks e Neil Young.
Os acordos de Jackson e Stewart dão pistas de que o mercado de aquisição de catálogos está florescendo novamente após um período de arrefecimento.
Segundo o Wall Street Journal, o Iconic de Azoff arrecadou mais de US$ 1 bilhão (R$ 4,98 bilhões) em nova capitalização para aquisições desse tipo.
Os catálogos de música atraem investidores por serem considerados ativos com valor a longo prazo na era do streaming.
Os proprietários dos direitos editoriais de uma música recebem dinheiro da reprodução e transmissão por rádio, da venda de álbuns e de seu uso em publicidade ou filmes. Os direitos de gravação entregam a propriedade sobre a reprodução e distribuição.
VÍDEOS: mais assistidos do g1

botão de play

No Ar

SHOW DA TARDE
Produção Eduardo Dj