Notícias

Pop & Arte

Pai faz homenagem a Anderson Leonardo, do Molejo: ‘Filho sua alma foi recolhida com nobreza’

‘Me sinto triste por não mais te abraçar; mais meu conforto e meu orgulho é ter sido seu pai’, disse o produtor musical Bira Haway. Velório do cantor começará às 11h, no Cemitério Jardim da Saudade. Bira Haway, pai do cantor Anderson Leonardo, faz homenagem ao filho
Reprodução
O pai do cantor Anderson Leonardo, do Molejo, fez uma homenagem ao filho, que será velado neste domingo (28), nas suas redes sociais.
“Filho sua alma foi recolhida com nobreza, me sinto triste por não mais te abraçar; mais meu conforto e meu orgulho é ter sido seu pai e ter te tornado um ícone, um profissional completo, um pai maravilhoso para os seus, um filho sensacional, um amigo extraordinário e principalmente pelo ser humano iluminado e inesquecível”, disse Bira Haway, pai do cantor.
O pai, que é produtor musical, ainda enfatizou que o filho será lembrado por seu trabalho. “Seu legado que está sendo deixado e esse é o nosso maior presente, e sei que seu legado, sua música, sua alegria, vai abraçar muitas gerações. Te amo meu filho, meu amigo, meu companheiro. Divirta-se aí em cima, meu amor por ti é eterno! “, afirmou Bira.
O Molejo estourou grandes hits em todo o país, como “Cilada”, “Caçamba”, “Brincadeira de Criança”, “Dança da Vassoura”, “Paparico” e “Clínica Geral”.
O grupo, formado no fim dos anos 1980, também emplacou várias músicas de samba-rock, incluindo o próprio “Samba Rock do Molejão”.
Velório
O velório do cantor está marcado para este domingo (28), a partir das 11h, no Cemitério Jardim da Saudade de Sulacap, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O artista morreu na última sexta-feira (26), por consequência de um câncer na região inguinal. O sepultamento deve ocorrer às 16h.
Mais conhecido como Anderson Molejão, por causa da conexão com o grupo Molejo, o cantor fez história com seus sucessos animados e bem-humorados.
Nascido no Rio de Janeiro, Anderson foi um dos fundadores do grupo carioca de pagode, junto com Andrezinho, Claumirzinho, Lúcio Nascimento, Robson Calazans e Jimmy Batera.
Anderson estava internado no Hospital Unimed, na Barra da Tijuca, e seu quadro vinha piorando desde domingo (21).
LEIA TAMBÉM:
REPERCUSSÃO: Amigos e artistas lamentam a morte do cantor
CÂNCER INGUINAL: Entenda a doença que matou Anderson
Diagnóstico de câncer
Em outubro de 2022, Anderson Molejo revelou que foi diagnosticado com câncer. Sem dizer a região atingida pela doença, o cantor chegou a anunciar, 2 meses depois, que estava curado, mas o câncer voltou.
“Vou lutar até o final”, disse na época, explicando que o primeiro diagnóstico da doença foi na região inguinal.
Anderson explicou ainda que seu câncer era raro e disse que o novo tratamento era para evitar que a doença irradiasse para outras regiões.
Anderson Leonardo com os integrantes do Molejo
Redes sociais/Reprodução

botão de play

No Ar

SHOW DA TARDE
Produção Eduardo Dj