Notícias

Pop & Arte

Não é só Marcello Antony: relembre outros atores que passaram a trabalhar em outras áreas

Daniel Erthal, Roberto Bataglin e Marcio Kieling estão na lista de artistas que investiram no Plano B e apostaram em novos negócios após fama. Atores que largaram a carreira artística e se dedicaram a outros projetos longe da fama
Marcello Antony anunciou, na terça-feira (3), sua nova jornada profissional: corretor de imóveis de luxo em Portugal.
O ator brasileiro, conhecido por novelas como “Paraíso tropical” e “Senhora do destino”, mora no país há seis anos e contou que deixou a carreira artística para trás. “É com grande entusiasmo que eu anuncio a minha nova jornada como consultor de imóveis de luxo”, afirmou Antony.
Mas Marcelo não é o único artista a investir em um Plano B após a fama. Alguns atores já apostaram no mercado financeiro, na psicologia, na venda nas ruas e outros negócios após saírem de cena — ou enquanto aguardam novas convites.
Marcello Antony
Reprodução/Instagram
Relembre mais atores brasileiros que apostaram em um plano B longe das telas:
Roberto Bataglin
Roberto Bataglin
Reprodução/YouTube/Papagaio Falante
Roberto Bataglin falou, recentemente, ao podcast “Papagaio Falante” sobre seu trabalho com imóveis, que envolve compra, venda, reforma e até construção.
“Na verdade, eu trabalhei com corretagem, mas com meus imóveis. Construindo, vendendo, alugando… Eu reformo, e construo do zero. Agora mesmo estou reformando uma cobertura que eu tenho no Recreio para dar um ‘upgrade’. Vende ou aluga. Estamos aí para qualquer negócio”, explicou ele.
Roberto fez muito sucesso nas telinhas nas décadas de 1980 e 1990. Galã da época, o ator participou de novelas como “Sassaricando”, “A próxima vítima”, “Lua cheia de amor” e muitas outras.
Aos 62 anos, ele conta que os convites para atuar foram minguando com o tempo. “É uma coisa que acontece aos poucos. Vai diminuindo a intensidade dos trabalhos, que vinham um atrás do outro. Eu não parava de trabalhar. Também não posso reclamar de nada, graças a Deus tenho um currículo de muitos trabalhos, trabalhei com grandes atores.”
Daniel Erthal
Daniel Erthal
Reprodução/Instagram
A falta de convites também levou outro ator a apostar em outros investimentos. Daniel Erthal, destaque na temporada de “Malhação”, em 2005, fez participações em novelas como “Belíssima” e “Da cor do pecado”. Sem novos convites pra atuar, ele começou a enfrentar dificuldades financeiras e decidiu ir para as ruas para vender cervejas.
Em uma entrevista ao jornal O Globo, ele disse que não quis saber o que iam pensar dele quando tomou a decisão de se tornar ambulante e que também não teve vergonha nenhuma de ir fazer esse trabalho.
Daniel costuma compartilhar sua rotina nas ruas com seu carrinho, que se chama Ilha da Sede e tem até um Instagram próprio.
Mario Gomes
Mario Gomes com sua barraca de hambúrguer, no Rio
Arquivo Pessoal
Antes dele, outro ator viralizou com seu trabalho como vendedor de rua. Mario Gomes, que estrelou novelas icônicas como “Duas Vidas”, “Anjo mau”, “Guerra dos sexos”, “Perigosas peruas” e tantas outras, apostou, em 2017, em um carrinho para venda de hambúrguer.
Mas no caso do Mário, ele disse que não foi uma questão de problema financeiro. Em uma entrevista ao site ego, ele explicou que com o sucesso na carreira artística, conseguiu conquistar uma boa renda e que não precisava de dinheiro, mas não conseguia ficar parado. Por isso, investiu no carrinho.
Na época, ele disse também que a experiência estava servindo de teste para abrir um negócio no futuro.
Marcio Kieling
Marcio Kieling
Reprodução/Instagram
Marcio Kieling foi outro que viu seus convites diminuírem e acabou apostando firme no plano B. Que segundo ele, acabou se tornando o plano A.
O ator, que interpretou Zezé Di Camargo no filme “2 filhos de Francisco”, fez até um desabafo recentemente dizendo que o rótulo de galã torna a vida artística mais limitada.
Marcio decidiu trabalhar como trader no mercado financeiro. Em resumo, ele compra e vende ativos financeiros, ou seja, investimentos e produtos desse mercado, só que em um curto espaço de tempo. Ele diz que que ainda tem esperança em receber convites para atuar.
Cecília Dassi
Cecília Dassi: atriz mirim largou carreira artística e virou psicóloga
Reprodução/Facebook
Quem não tem mais esperança nesse sentido – mas também nem quer mais atuar — é a ex-atriz Cecília Dassi.
Cecilia se destacou como atriz ainda na infância. Aos 9 anos, chamou a atenção ao interpretar a Sandrinha, em “Por amor”, recebendo vários prêmios por seu trabalho na novela.
Ela ainda esteve em “Alma gêmea”, “Sete pecados”, e mais novelas. Mas em 2012, desistiu totalmente da carreira artística e se tornou psicóloga.
Cecília conseguiu, de certa forma, unir as duas áreas profissionais e levar sua experiência nos bastidores para o novo mercado, já que, entre outros atendimentos, faz um trabalho terapêutico com artistas infantis e seus familiares.

botão de play

No Ar

SHOW DA TARDE
Produção Eduardo Dj